4 formas de ser valorizado antes da compra | Estúdio Vertá
Gestão

4 formas de ser valorizado antes da compra

Você dá o seu máximo para solucionar o problema do cliente e depois que ele desfrutou dos benefícios do seu produto ele vira pra você e diz: “Fiquei muito impressionado! Não esperava que a tua solução ia ser tão boa assim.” Por um lado, bate o orgulho por ter feito a diferença na vida de alguém, mas quando você lembra dos clientes que ainda está tentando cativar, você se pergunta:

Por que o cliente que ainda não comprou não consegue ver que meu produto é bom?

Garoto entediado

É uma dúvida que tenho visto muitos empresários se fazendo ao longo dos anos e que aflige principalmente aqueles produtos e serviços que são bons de verdade. O segredo desse dilema é uma palavrinha que todo bom vendedor conhece: expectativa. É ela que vai ditar se seu cliente irá comprar ou não e principalmente o quanto ele irá pagar.

Seu cliente só compra se ele sentir que vai receber mais do que está pagando. Isso é expectativa.

Influenciar a percepção de outra pessoa pode ser difícil, então por isso agrupamos 4 dicas para você aplicar no seu negócio e começar a aumentar o gargalo da sua prospecção.

1. Entenda o que seu cliente valoriza

Fale com seus clientes mais satisfeitos e entenda de onde veio a satisfação dele. Converse com aqueles que não quiseram fechar, deixe claro que não está tentando vender e questione o que faltou para ele comprar. Busque os porquês do seu consumidor e defina qual o seu principal ponto de valorização. Você provavelmente encontrará vários, mas busque focar em um ou dois que te diferenciem dos seus concorrentes. Use essa sua proposta de valor para mostrar pro seu futuro cliente que aquela é a melhor decisão a ser tomada.

2. Potencialize o que te diferencia

Não se engane achando que só ter um diferencial já basta, você precisa colocar uma lupa para que seus clientes enxerguem. Na hora da venda, é fundamental mostrar e demonstrar o que esses benefícios farão com a vida do seu futuro cliente, mas não se limite a isso. Usar propaganda para mostrar esse diferencial é bom, mas é bastante básico hoje em dia.

Que tal proporcionar uma experiência que faça o cliente viver a transformação que o seu produto ou serviço gera? Falar é bom, mas fazer é a melhor maneira de atrair aquelas pessoas que buscam justamente o que você tem de melhor. Dessa forma a chance do seu cliente sair satisfeito são gigantescas.

3. Incentive a indicação e depoimentos

Uma empresa falando bem de si mesma é sempre visto com desconfiança. Por isso, incentive indicações de clientes satisfeitos dando recompensas e fazendo-os sentirem-se bem por ter ajudado um amigo. Faça-o perceber que você irá se empenhar tanto quanto no projeto dele e que isso será bom para todos os envolvidos.

Se o cliente estiver mais disposto a lhe ajudar, peça para que faça um depoimento (texto, vídeo, ou como achar melhor) do resultado que você atingiu. Sua empresa pode colocar este conteúdo em uma campanha publicitária, na sua primeira apresentação com o cliente, no ponto de venda, no seu site, enfim, onde sua criatividade puder imaginar.

4. Use o inconsciente e a emoção

Não foque somente no racional. Você não compra um tênis só pela durabilidade, você compra pelo desejo de vencer. Você não almoça no restaurante da serra só pelo gosto da comida, você come pelo aconchego que o lugar te proporciona. Procure a transformação que você faz na vida dos seus clientes. Busque o sentimento que tudo isso gera. Esses pequenos detalhes fazem com que nosso cérebro inconsciente seja atraído ao nosso serviço de uma forma muito mais eficaz.

Diferente das dicas anteriores, nesta etapa você talvez precise de profissionais para transmitir essas mensagens da melhor maneira possível. Sair por aí dizendo que você vende prazer, enquanto você vende tênis pode parecer estranho se feito da maneira errada. Porém, nas mãos de um profissional, até mesmo seu logotipo poderá transmitir essa sensação sem parecer um maluco esquizofrênico. Entre em contato com a Vertá para mais informações ou dê uma olhada no nossos últimos projetos.

Comentar

Todos os direitos reservados © Vertá.